Barragem de Jucazinho aumenta volume e chega a 6% da capacidade

(fonte: Correio do Agreste)
 
A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) anunciou nesta quarta-feira (2), que a Barragem de Jucazinho saiu do volume morto. Isso significa que a água acumulada até agora já atingiu o nível de captação convencional. Nesta quinta-feira (4), o manancial estava com 19,6 milhões de m³ de água, o que representa 6% da sua capacidade. O reservatório pode armazenar 327,035 milhões de m³.
 
De acordo com o monitoramento realizado pela Agência de Águas e Clima (Apac), o volume de água em Jucazinho tem aumentado diariamente, variando a quantidade de acordo com as chuvas caídas na região. Quando começou a encher no início de abril e tinha menos de 3% da capacidade, a Compesa anunciou que já seria possível abastecer pelo menos 10 cidades da região utilizando um sistema flutuante.
 
Agora que o reservatório saiu do volume morto, a companhia ainda não comunicou se contará também com o auxílio desse tipo de equipamento para aumentar a retirada de água ou até mesmo por quanto tempo é possível utilizar a barragem sem atingir o nível mínimo de captação.

Fundador e editor-chefe do Jornal Correio do Agreste, além de comentarista político, escritor, pecuarista e entusiasta cultural.

Notícias Recentes