Rodolfo Freitas: de Surubim para os shows de Paul McCartney!

Fale um pouco sobre você, Rodolfo.

Sou surubinense de nascimento e coração. Bem, eu tenho 21 anos, terminei o segundo grau no Colégio do Amparo e agora estou à noite cursando o 4º período de Engenharia de Produção na UniFavip de Caruaru. Durante o dia, trabalho na diretoria de turismo e eventos da Prefeitura Municipal. Quando estou com tempo livre, gosto de acompanhar futebol e outros esportes, sair com amigos, aproveitar a dois com minha linda namorada e, claro, escutar música.

Por falar em música, quais são as tuas preferências e influências?

Meu irmão mais velho, Rafael, e um amigo em comum, Robson Arruda, me mostraram o caminho do Rock And Roll. Com o amadurecimento, galguei com as próprias pernas minhas preferências no melhor estilo que existe! Tendo os Beatles como minha banda preferida.

Já foi para muitos shows importantes?

Sim. Apesar da pouca idade, tenho certa bagagem, com muitos nomes importantes da cena nacional e internacional incluídos no meu currículo. Entre eles, já vi de perto Metallica, Guns N’ Roses, Duran Duran, Iron Maiden, The Strokes, Robert Plant… Porém, repito, a banda da minha vida é The Beatles.
Foto: Divulgação/Facebook

Foto: Divulgação/Facebook


Daí surgiu o interesse pelos shows de Paul McCartney…

Sem dúvida! Gosto muito dos 4 Beatles na mesma intensidade. Porém, tenho um apreço maior pela discografia solo de Paul. Já tinha visto um show dele no Recife em 2012 e dessa vez resolvi viajar sozinho para São Paulo pra presenciar novamente o gênio inglês. A sensação é única. Ver de perto shows de um ser humano que mudou os rumos da música é indescritível. São arrepios e muitas lágrimas durante o espetáculo.


Caso tenha outra oportunidade de vê-lo, vai fazer de tudo pra comparecer ao seu show?

Com certeza! Paul McCartney está com 75 anos, acho meio improvável. Mas se pintar uma nova oportunidade, não vou medir esforços pra vê-lo pela terceira vez. Estar no seu show é surreal, é difícil acreditar e impossível não se emocionar. Vou guardar tal recordação para sempre. No mais, escutá-lo tanto na carreira solo quanto nos Beatles é de lei. Seja em casa ou quando posso nas ruas de Surubim.

A comunicação me fascina. Gosto de relatar, informar e opinar. Portanto, pus no ar um site pra expor minha terra de uma maneira dinâmica, sob o meu prisma e o de outros autores.

Notícias Recentes